Francisco Calheiros, presidente da Confederação do Turismo de Portugal (CTP), conhece os motivos desta perda: os atrasos nos voos e as filas de passageiros no aeroporto de Lisboa. Esta revelação é feita à Antena 1 no programa Conversa Capital.

O presidente da Confederação do Turismo de Portugal referiu que os atrasos e as filas em Lisboa, já estão a ter consequências na imagem do país e na recusa de “slots” por falta de capacidade do aeroporto para receber todos.

Na entrevista dos jornalistas Rosário Lira, da Antena1, e Wilson Ledo, do Jornal de Negócios, este responsável lembrou também que já em março, dados do Instituto Nacional de Estatística, revelavam que o setor do turismo começou 2018 com o menor crescimento dos últimos quatro anos.

Noutro âmbito Francisco Calheiros disse não se comprometer com um valor para o salário mínimo e considera “extemporâneo” falar sobre um assunto que ainda não está estudado.

Leia tudo

Obtenha sua compensação agora